Rosa Expandido - Santa Tereza Tem
Logo

Rosa Expandido

 Rosa Expandido, evento comemora 60 anos de Grande Sertões: Veredas

Para celebrar o legado de uma das obras mais contundentes do universo de Guimarães Rosa – Grande Sertão: Veredas, a Fundação Clóvis Salgado preparou uma programação gratuita e diversa que retrata a força dessa obra, que ultrapassou a literatura e está presente nas mais diferentes linguagens artísticas.

Entre os dias 3 e 6 de novembro , Rosa Expandido passa pelo teatro, a música, a literatura, as artes visuais e o cinema, evidenciando como Grande Sertões: Veredas é um campo fértil para diversas artes e que hoje, mesmo 60 anos depois de seu lançamento.

O total de mais de dez atividades, inclui leitura de trechos da obra de Guimarães Rosa por Maria Bethânia; palestra encenada do compositor e escritor baiano Elomar; exposição Imagens do Grande Sertão, de Arlindo Daibert; palestra encenada com o Grupo Ponto de Partida; intervenção do Cochicho Poético; exibição dos filmes Outro Sertão, Noites do Sertão e Grande Sertão Veredas, seguida de bate-papo com as cineastas Glaura Cardoso e Soraia Vilela; além de um seminário que discutirá toda a obra do escritor, com a historiadora Heloisa Starling e o artista José Alberto Pinho Neves.

Sobre João Guimarães Rosa (1908-1967)

joao guimaraes rosa 002Contista, novelista, romancista e diplomata, Guimarães Rosa, grande nome da Literatura Brasileira, integrou com destaque a terceira geração do Modernismo. Nascido em Cordisburgo – MG, formou-se em Medicina pela Universidade Federal de Minas Gerais em 1930, um ano após dar início à carreira literária, com a publicação do conto O mistério de Highmore Hall, na revista O Cruzeiro.

A publicação do livro de contos Sagarana, em 1946, garantiu-lhe um lugar privilegiado no panorama da literatura brasileira, pela linguagem inovadora, pela singular estrutura narrativa e a riqueza de simbologia dos seus contos. Guimarães Rosa recuperou a temática regionalista, conferindo-lhe um novo significado e assumindo a característica de experiência estética universal.

Em 1963, passou a ser o ocupante da Cadeira 2 da Academia Brasileira de Letras, posição que demorou três anos para assumir.  Guimarães Rosa recebeu  também o Prêmio Filipe d’Oliveira pelo livro Sagarana (1946); Grande sertão: Veredas recebeu o Prêmio Machado de Assis, do Instituto Nacional do Livro, o Prêmio Carmen Dolores Barbosa (1956) e o Prêmio Paula Brito (1957); e Primeiras estórias recebeu o Prêmio do PEN Clube do Brasil (1963).

Sobre Grande Sertões: Veredas

guimarães rosaÚnico romance de Guimarães Rosa e única obra brasileira a integrar a lista dos Cem Melhores Livros de todos os tempos, feita pelo Clube do Livro da Noruega, Grande Sertão: Veredas  foi publicado pela primeira vez em 1956, e é uma das mais significativas obras no universo da Literatura Brasileira.

A história, que se desenrola em 600 páginas, é narrada através de relatos de Riobaldo, um ex-jagunço que conta suas experiências de vida no sertão, suas lutas, medos, dúvidas e amores. As questões levantadas pelo protagonista são sempre carregadas de reflexões que tocam o existencialismo e levantam importantes questionamentos sobre a vivência humana.

Confira a Programação

Cochico poético
Local: Palácio das Artes
Data: 3, 4 e 6 de novembro
Horário: 18h
Entrada gratuita

Orquestra Escola do  Cefart e Coral InfantojuvenilData: 3 de novembro, 19h
Local: Hall de entrada do Foyer– Palácio das Artes
Entrada gratuita

Imagens do Grande Sertão – Arlindo Daibert
Período: 3 de novembro de 2016 a 15 de janeiro de 2017
Local: Galeria Mari’Stella Tristão – Palácio das Artes
Entrada gratuita

Filmes baseados na obra de Guimarães Rosa
Data: 3 de novembro –
Sessões às 15h, 17h, 19h e comentários da cineasta e pesquisadora Glaura Cardoso às 20h30
Local: Cine Humberto Mauro – Palácio das Artes
Entrada gratuita com distribuição de ingressos 1 hora antes do início das sessões

Grupo Ponto de Partida – Palestra encenada
Data: 4 de novembro, 19h
Local: Teatro João Ceschiatti – Palácio das Artes
Entrada gratuita com distribuição de ingressos 1 hora antes do início da apresentação

Canto do Sertão – Um aboio para Rosa com Elomar
Data: 4 de novembro, às 20h30
Local: Sala Juvenal Dias
Entrada gratuita com distribuição de ingressos 1 hora antes do início da apresentação

Seminário 60 anos de Grande Sertão; Veredas
Data: 5 de novembro, 10h
Local: Teatro João Ceschiatti – Palácio das Artes
Entrada gratuita com distribuição de ingressos 1 hora antes do início do seminário

Leitura de textos de Guimarães Rosa com Maria Bethânia
Data: 6 de novembro, 19h
Local: Grande Teatro do Palácio das Artes
Entrada gratuita com retirada de ingressos no dia 04/11, às 10h
Informações:  Fundação Clóves Salgado

Anúncios