Cine Santa Tereza exibe mostra de histórias do carnaval - Santa Tereza Tem
Logo

Cine Santa Tereza exibe mostra de histórias do carnaval

Cine Santa Tereza exibe mostra de histórias do carnaval de BH

Pra quem sempre curtiu o carnaval da capital mineira, relembrar, e pra que é mais novo, conhecer um pouco da história da folia de Momo na cidade, uma opção legal é dar uma chegada no MIS Cine Santa Tereza, que exibirá a mostra “Imagens e Sons do Carnaval e do Samba de BH”,

A  promoção  é da Fundação Municipal de Cultura, por meio do Museu da Imagem e do Som.  A programação, que vai de  1º a 5 de fevereiro, no MIS Cine Santa Tereza, inclui a exibição de documentários e curtas-metragens que abordam o carnaval e o samba da capital mineira, rodas de conversa com grandes nomes do samba e carnavalescos da cidade, lançamento de site e ensaios abertos de blocos de rua. A iniciativa, inédita na cidade, tem o apoio da Belotur.  A entrada é gratuita.

Com curadoria do historiador e realizador Marcos Maia e do museólogo e jornalista Victor Louvisi, a mostra visa discutir a preservação, a produção e a difusão de acervos audiovisuais de carnaval e samba da cidade de Belo Horizonte.

Entre os destaques do evento estão as rodas de conversa, com convidados que se destacaram nos carnavais de Belo Horizonte, além de pesquisadores e historiadores. No primeiro dia, um dos ícones do samba belo-horizontino, Mestre Conga, participa de um bate-papo sobre histórias do carnaval da cidade. Junto à ele estará Marcos Maia, historiador e pesquisador do carnaval e Alexandre Silva Costa, presidente do Grêmio Recreativo Escola de Samba Cidade Jardim. No dia seguinte, pesquisadores e historiadores conversam com o público sobre o registro e preservação de imagens do carnaval.

Outra atração do evento será o lançamento do site “Sotaques do Samba” com o percussionista Djalma Corrêa. O site tem a proposta de mostrar as origens do samba e como ele foi se espalhando pelo Brasil tendo vários “sotaques”, mas mantendo uma unidade em comum.
Fotos do Acervo do Museu Histórico Abílio Barreto

Filmes e documentários
Durante os cinco dias do evento, o MIS Cine Santa Tereza exibe uma série de documentários e curtas-metragens. Entre os destaques estão o documentário “Roda”, de Carla Maia e Raquel Junqueira, “Mestre Conga, o Inconfidente do Samba”, de Chiquinho Matias, “Coisa Nossa”, de Carlos Canela. Também serão exibidos fragmentos do acervo do MIS-BH como parte dos Cinejornais, do fundo Igino Bonfioli, do fundo Belotur e do fundo Globo.

Segundo a gestora do Museu da Imagem e do Som de Belo Horizonte, Siomara Faria, o evento segue a missão do MIS-BH de divulgar o acervo do museu, garantir a conservação da memória audiovisual da cidade, o registro e o acesso ao público. “Boa parte dos filmes exibidos utilizou o acervo da instituição, além de colaborar com discussões sobre o carnaval em franco processo de revitalização, o evento tem o objetivo de tecer diálogo, através das rodas de conversas, com realizadores, pesquisadores, instituições de preservação do patrimônio artístico e cultural sobre a preservação e difusão dos acervos audiovisuais do carnaval e do samba da cidade”, completa.

Programação

 1º de fevereiro
19h – Mostra de Curtas – Memórias do carnaval de Belo Horizonte
Acervo do Museu da Imagem e do Som de BH: Cinejornais; Fundo Igino Bonfioli; Fundo Belotur; Fragmentos do Fundo Globo, direção de Marcos Maia

19h40 – Roda de Conversa “Histórias do Carnaval de Belo Horizonte”
Marcos Maia. Historiador e Pesquisador do Carnaval de Belo Horizonte.
Mestre Conga. Sambista. Integrante da Velha Guarda do Samba de Belo Horizonte.
Alexandre Silva Costa. Presidente do Grêmio Recreativo Escola de Samba Cidade Jardim.
Mediação: Victor Louvisi. Jornalista e Museólogo do Museu da Imagem e do Som de Belo Horizonte.

2 de fevereiro
19h – Mostra de Curtas – Carnaval de rua de Belo Horizonte
“Sobre Carnavais e Revoluções”, direção de Fred França
“BH no Ritmo da Luta”, direção de Dandara Andrade

19h30 – Roda de Conversa “Imagens do Carnaval: registro e preservação”
Guto Borges. Historiador, agitador cultural, músico e regente de blocos de carnaval.
Dandara Andrade. Jornalista e produtora audiovisual.
Isabel Beirigo. Historiadora do Museu da Imagem e do Som de Belo Horizonte.
Eliane Gladyr da Silva. Bibliotecária e Coordenadora do setor de coleções especiais da Biblioteca Luiz de Bessa.
Mediação: Siomara Faria. Jornalista e Gestora do Museu da Imagem e do Som de Belo Horizonte.

3 de fevereiro
18h – Lançamento do site “Sotaques do Samba” com o percussionista Djalma Corrêa.

19h30 – Mostra de curta e documentário
“Samba em Serpentina”, direção de Marcos Maia
“Mestre Conga: o Inconfidente do Samba”, direção de Chiquinho Matias

4 de fevereiro
19h30 – Exibição do documentário “Memórias e Improvisos de um Tipógrafo Partideiro”, direção de Pedro Portella

5 de fevereiro
17h – Exibição do documentário “Coisa Nossa”, direção de Carlos Canela
19h – Exibição do documentário “Roda”, direção de Carla Maia e Raquel Junqueira

Imagens e Sons do Carnaval e do Samba de BH
De 1º a 5 de fevereiro
MIS Cine Santa Tereza (Rua Estrela do Sul, 89, Santa Tereza – Praça Duque de Caxias)
Entrada franca
Informações para o público: (31) 3277-4699

Anúncios